sábado, 12 de dezembro de 2009

O partido da mentira

O PT mente escrachadamente. Sobre seus "feitos", sobre a herança do governo anterior, sobre pesquisas, sobre ser perseguido pela imprensa… Serra sobe, Dilma não sobe nem desce, e a petralhada vem buzinar: "Serra despenca! Dilma dispara!". O que eles pensam que a gente é? Idiota?

Da pesquisa anterior o Jornal Nacional noticiou somente a alta popularidade do Lula. Sobre os números bons de Serra para a eleição no ano que vem e a possibilidade do candidato tucano ganhar no primeiro turno, nenhuma palavra. E a petralhada reclama, patrulha, faz campanha contra a imprensa, chama-a de tucana, de vendida, de golpista…

A propaganda do partido que foi ao ar na quinta passada foi um desfile de mentiras, uma atrás da outra. Distorções, retórica vazia, demagogia. Além disso, tentou dividir o Brasil entre ricos e pobres (ou entre brancos e negros etc), o que é uma das coisas mais graves e nocivas que pode haver para o país. Deveria ser crime. E fica ainda mais abjeto porque isso está sendo usado como recurso desesperado para ganhar a eleição. É a demonstração clara de que o PT não está preocupado com o país, mas em se manter no poder. Essa é a prioridade deles. Se destruirem o país para conseguirem o que querem, para eles tanto faz.

Sem falar que era para ser um programa partidário, mas o PT o transformou em PROPAGANDA E BAIXARIA ELEITORAL. E isso não pode! É proibido por lei! É que eles pouco se importam de desrespeitar as leis, não é mesmo?

[De toda forma, não conseguiram disfarçar a artificialidade de Dilma, uma candidata de plástico. Quem se dispuser a ler o Augusto Nunes, verá que ela é mesmo uma fraude:

Por aí se vê exatamente o que será a eleição no ano que vem: DESESPERO PETRALHA.Desfile de mentiras.

Cedo ou tarde a população vai perceber que se essa gente mente coisas tão óbvias, mente também em todas as outras, desde sempre. Por hábito.

Lançamento de Máximas de um País Mínimo


sábado, 12/12/09
11 horas
Teatro Eva Herz
Livraria Cultura
Av. Paulista, 2073
São Paulo - SP

Quem for, ganhará adesivos:

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Não misturem minha moral com a deles

Ontem Reinaldo Azevedo escreveu em seu blog um post cujo título é TEXTOS DE FORMAÇÃO: A NOSSA MORAL E A DELES. A leitura é obrigatória:

http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/textos-de-formacao-a-nossa-moral-e-a-deles/

Este post ilustra bem com quem estamos lidando. E hoje tive um exemplo disso: clonaram um perfil meu no Orkut. Fizeram um perfil que é uma cópia do meu, com foto e descrição e tudo mais para espalhar alguns links pelas comunidades oposicionistas. Já denunciei e acho que o Orkut já excluiu minha foto do perfil. Deve retirá-lo do ar em breve.

Mas quero deixar uma coisa bem clara: minha moral não é mesmo igual à deles.