sábado, 20 de junho de 2009

Três tempos e algumas perguntas

Tempo 1

Texto em blog do Marcelo Tas:
"Como desde o início dessa crise, apóio a presença da PM no campus da USP. Como parte da sociedade, homens e mulheres entraram para a PM representam uma força militar sem a qual as cidades brasileiras estariam mergulhadas no caos. No caso da USP, a PM lá está para evitar cenas como esta acima, onde a liberdade do ir e vir, a liberdade de expressão de uma posição contrária, é contida aos socos e gritos. Na minha visão, neste lamentável episódio, a imagem da PM está sendo manipulada pelos grevistas que tentam pintá-la como a SS de Hitler, o que seria apenas patético e risível, não fosse uma visão infantil, vazia e preconceituosa."
http://marcelotas.blog.uol.com.br/arch2009-06-16_2009-06-30.html#2009_06-20_10_55_15-5886357-0


Tempo 2

Depoimento de contrários à greve em blog do Reinaldo Azevedo:
"Não cabe aqui a história toda, então vou resumir: hoje à noite, em um segundo protesto contra a greve, ALUNOS favoráveis à greve APEDREJARAM e ESPANCARAM alunos contrários à greve.Um aluno da história se sentou no chão pra mostrar que não ia reagir e levou um chute nas costas e, pelo BO que ele fez logo depois, foram vários socos e chutes.Uma menina da POLI que ficou pra trás comigo pra levar o nosso pessoal enquanto fugíamos por pouco não levou uma pedrada na cabeça, eu levei uma pedrada na perna.Foi batalha campal. Eles simplesmente partiram pra cima. Foi uma das coisas mais horríveis que eu já vi.
Um grande abraço indignado,
Danilo, 2º ano de RI da USP."
http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/geral/alo-reitoria-alo-pm-alo-governador-serra-o-sintusp-esta-espancando-alunos-em-plena-usp-e-ai/


Tempo 3

Comentário que recebi alguns posts abaixo, da Clara Carolina ( http://www.blogger.com/profile/16998235402650695587 ):
"Tudo bem cada um ter sua opinião, mas não dá para deixar de pensar que quem é a favor de pm na universidade é também a favor de estupro na favela, prostituição infantil nas orlas de Salvador, bomba contra palestinos e israelenses, tiro e paulada contra sem terra, burca nos corpos de mulheres ou qualquer forma de violência a qualquer outra pessoa que também queira expressar sua opinião. Qualquer poder é vontade de poder. Formas de resistência estão aí e são várias."

Vocês que me leram até aqui e concordam comigo que é possível discordar sem transformar o outro num inimigo a ser excluído da esfera de opiniões e que também concordam que a PM na USP é necessária para controlar os exaltados e – justamente! – garantir o direito de opinião (e de aula!) dos alunos, acham que nós somos a favor de:
1) estupro na favela?
2) prostituição infantil nas orlas de Salvador?
3) bomba contra palestinos e israelenses?
4) tiro e paulada contra sem terra?
5) burca nos corpos de mulheres? e
6) qualquer tipo de violência?

Se não concordam com a Carolina, concordam comigo que ela está nos acusando de ser favoráveis a crimes?
Percebem que ela está tentando nos isolar?
Percebem que ela está fazendo campanha para que o mundo do pensamento nos dê unfollow, ou seja, para que as pessoas não considerem a nossa opinião como válida?

Por fim, pergunto: quem é o fascista nesta história?
Pergunto também: a gente deve deixar que este tipo de opinião seja publicada nos comentários deste blog? É legítimo que ela me acuse de ser a favor de crimes (julguem vocês mesmos se sou!) e ainda por cima DENTRO de um espaço que é meu?
Se eu apagar o comentário dela (se ela não apagou, continua lá), isso seria censura?
Se eu apagar o comentário dela, estarei sendo fascista?

6 comentários:

Márcio Vinícius Pinheiro disse...

belo resumão. Definitivamente 140 caracteres não são suficientes.

Raphael R Barbosa disse...

Li e reli pra ter certeza de que a Clara Carolina disse que quem é a favor da PM apóia os crimes. Procurei um não antes do a favor, tentei ler um contra no lugar.

É a ausência do Estado que dá margem a que ocorra estupro na favela, prostituição infantil, tiro e paulada contra sem terra, etc. Se o Estado se fizesse presente nas favelas (ainda que só com policiamento), não haveria estupro. Se o Estado se fizesse presente nas orlas e entroncamentos de BRs (ainda que só com policiamento), não haveria prostituição infantil.

Acho que ela é mais uma daquelas pessoas que confundem parcial com imparcial, como revelou Reinaldo Azevedo nest post.

Ou a burrice é de outro tipo, não gramática, mas analítica? Ou lógica?

Tenho esperança de que seja uma confusão, tipo HONESTO com DESONESTO e APROVO com DESAPROVO (por isso aqueles tais 80% de popularidade - ou seria “impopularidade”?)

É que ainda é mais fácil ensinar português que raciocínio lógico. Se a gente precisar explicar noções de causa e efeito, cidadania, Estado de Direito, democracia, ordem etc., teremos muito mais trabalho.

Blog do Rasta disse...

Hum...
Eu discordo da sua visão quanto a PM (Policia Militar) que na minha opinião está a um serviço, a serviço do estado, digo a policia militar é o braço de repressão do estado. Porém acho muito válida sim sua opinião, não sou daqueles que dá um chilique pois há opinião divergentes da minha, ao contrário salutar as opiniões divergentes, sem este contradição e este embate de ideias não poderíamos avançar na democracia. Dizer que concordar com a PM no campos é concordar com estupro é inaceitável, como pra mim também é inaceitável tratar um movimento legítimo da comunidade acadêmica que tem pauta política e objetivos, que tem muita gente séria e responsável, como um bando de vagabundos como fez nosso companheiro @marcelotas. Gostei da forma como coloca suas opiniões Daniele e daqui a diante sempre estarei de olho aprendendo muito com elas.
Forte abraço, a principio tem outra visão sobre a greve na "USP" até porque acompanho a um certo tempo as mobilizações naquela universidade, mesmo que de longe. Desde a ocupação de 2007 e não dá pra enxergar essa greve sem trilhar uma linha do tempo e sem fazer referência ao tratamento do governo as universidades estaduais, com a educação e o tratamento da reitoria com a comunidade acadêmica. O direito de greve é legítimo.
@blogdorasta
www.venhasambar.blogspot.com

Fernando Sampaio disse...

A Clara Carolina é uma besta quadrada...

Brasiliano disse...

Boa noite a todos.Olha Daniela,nao deve cancelar os comentarios e sim talvez fazer uma lista com esse tipo de comentario para saber o que "pensam" se isso pode-se chamar pensamento e publica-los separadamente.Continie a postar e a melhorar seu Blog,leitores nao vao faltar.Gosto muito de Curitiba e fico sempre contente quando volto para a sua cidade.

Brasiliano disse...

Boa noite a todos.Olha Daniela,nao deve cancelar os comentarios e sim talvez fazer uma lista com esse tipo de comentario para saber o que "pensam" se isso pode-se chamar pensamento e publica-los separadamente.Continie a postar e a melhorar seu Blog,leitores nao vao faltar.Gosto muito de Curitiba e fico sempre contente quando volto para a sua cidade.