quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Dois artigos na Gazeta do Povo

Custa um pouco, é preciso procurar com lupa, mas de vez em quando é possível encontrar gente de lucidez no meio de milhões de brasileiros hipnotizados – consta que 84% dos brasileiros estão nesta situação.

http://portal.rpc.com.br/gazetadopovo/opiniao/conteudo.phtml?tl=1&id=849828&tit=Nunca-na-historia-deste-pais-I

http://portal.rpc.com.br/gazetadopovo/opiniao/conteudo.phtml?tl=1&id=851461&tit=Nunca-antes-na-historia-deste-pais-II

Evidentemente não concordo com tudo o que vai acima. Mas é bom saber que não estamos carregando sozinhos o peso da realidade, enquanto quase todo mundo vive no oba-oba das ilusões.

2 comentários:

Anônimo disse...

Ao analisar a quantidade de juros que o brasileiro paga ao governo, dá uma imensa insatisfação por perceber que apesar do grande fluxo de dinheiro ainda há precariedade na saúde, na educação, na segurança e infra-estrutura.
É vergonhoso admitir que o Brasil é o país que mais cobra impostos e que por conseqüência, o que mais paga juros, sendo 1 trilhão arrecadados ao ano,e ao decorrer deste, é o país que menos se preocupa com educação. Esta que formará os futuros cidadãos e que moldará o caráter da futura nação.
Apesar de tamanho descontentamento, não se pode negar que o governo Lula vem sendo o melhor dos últimos tempos. Pois apesar de ocorrer muitas falhas, há a preocupação em ajudar o povo pobre, com benefícios, como por exemplo, o Bolsa Família. A popularidade do presidente Lula, está entre 70% e 85%, sendo considerado, não somente pela população de baixa renda, mas também pela de alta renda um representante conceituado e preocupado com a população. Por decorrência, não se deve associar vinculo algum da falta de leitura do povo com a popularidade do presidente. Pois são assuntos totalmente distintos.

Anônimo disse...

Anônimo disse...
Ao analisar a quantidade de juros que o brasileiro paga ao governo, dá uma imensa insatisfação por perceber que apesar do grande fluxo de dinheiro ainda há precariedade na saúde, na educação, na segurança e infra-estrutura.
É vergonhoso admitir que o Brasil é o país que mais cobra impostos e que por conseqüência, o que mais paga juros, sendo 1 trilhão arrecadados ao ano,e ao decorrer deste, é o país que menos se preocupa com educação. Esta que formará os futuros cidadãos e que moldará o caráter da futura nação.
Apesar de tamanho descontentamento, não se pode negar que o governo Lula vem sendo o melhor dos últimos tempos. Pois apesar de ocorrer muitas falhas, há a preocupação em ajudar o povo pobre, com benefícios, como por exemplo, o Bolsa Família. A popularidade do presidente Lula, está entre 70% e 85%, sendo considerado, não somente pela população de baixa renda, mas também pela de alta renda um representante conceituado e preocupado com a população. Por decorrência, não se deve associar vinculo algum da falta de leitura do povo com a popularidade do presidente. Pois são assuntos totalmente distintos.



Um grande abraço...
Beatriz Aparecida Colaço
(Biacolao@yahoo.com.br)