segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Serra presidente, Aécio vice



PSDB paulista articula chapa puro-sangue para 2010
Pela fórmula, José Serra seria candidato agora e Aécio Neves, em 2014

Carlos Marchi

A cúpula do PSDB em São Paulo tomou a decisão política de trabalhar por uma chapa puro-sangue para a Presidência em 2010 e começa conversas para convencer o governador Aécio Neves (Minas) a ser candidato a vice do governador de São Paulo, José Serra. A fórmula, que tem forte inspiração do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso - que chamou para si o papel de mediador da escolha -, estipula que, num eventual governo Serra, Aécio seria bem mais que um vice: assumiria um importante ministério da área social para ganhar densidade nacional.

A idéia não opera meramente com uma candidatura para 2010, informa qualificada fonte do partido, mas com um projeto de poder que pretende se expandir para, pelo menos, dois mandatos presidenciais. Aécio seria candidato a vice e, se a chapa puro-sangue vencesse, assumiria a Saúde ou a Educação, para comandar uma grande revolução na área. Seguiria, assim, a mesma receita que fez de Serra uma referência nacional, a partir de 1998, quando assumiu o Ministério da Saúde.

Assim, Aécio se transformaria em candidato natural à sucessão seguinte, numa reedição moderna da política do café-com-leite que vigorou no início do século 20. Para repetir a receita, o mineiro teria inserção especialíssima num futuro governo, sugerem tucanos paulistas. Ele participaria das grandes decisões e se tornaria candidato natural à sucessão.

Para garantir o acordo, Serra e o PSDB patrocinariam a extinção da reeleição a partir do candidato eleito em 2010, o que seria votado pelo Congresso em 2009, aparentemente sem dificuldades, já que o PT também apoiaria a mudança.

Por enquanto, Aécio resiste à idéia da chapa puro-sangue, argumentando que uma sadia disputa interna ajudaria a mobilizar o partido nacionalmente. Ele insiste em que o PSDB, antes de buscar um candidato, deve definir um projeto para o País. Quando ouve o argumento de que ainda não tem a mesma densidade eleitoral de Serra, admite - como esta semana - que nunca disputou uma eleição nacional, mas mesmo assim já consegue índices animadores nas pesquisas eleitorais.

LEGITIMIDADE

Os serristas falam com extrema cautela da negociação; eles reconhecem, desde já, o "direito" de Aécio postular a candidatura. A expressão que mais usam é que a pré-candidatura de Aécio "é legítima". Em São Paulo, ninguém acredita, no entanto, que os interesses cruzados possam redundar em conflito político.

Uma das garantias de paz, qualquer que seja a fórmula para definir o candidato em 2010, é o papel de FHC - a única pessoa capaz de falar a Serra e Aécio com eqüidistância.

Os tucanos paulistas, porém, estão mesmo de olho é no possível resultado eleitoral de uma chapa puro-sangue. Eles acham que Minas precisa aderir ao projeto para evitar o descompasso que ocorreu em 2002 e 2006. No primeiro turno de 2002, Aécio teve 58% dos votos para governador e Serra, 23% para presidente; em 2006, no primeiro turno, Aécio teve 77% na reeleição e Geraldo Alckmin, 40% para presidente. O cuidado dos tucanos tem outro viés: uma chapa puro-sangue uniria dois Estados que representam 43 milhões dos 130 milhões de eleitores do País.

Aécio, pelo que se sabe, não se mostrou atraído pela fórmula. Diz que é candidato a presidente pelo PSDB, não pretende mudar de partido e, se não for indicado, concorrerá ao Senado em 2010, com o objetivo de presidir a Casa a partir de 2011.

http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20081214/not_imp293562,0.php


***


É exatamente o que há muito já venho pedindo, conforme texto de setembro: http://brasileirainsone.blogspot.com/2008/09/acio-neves-2010-e-radicalizao.html

Espero que o PSDB – recado em especial ao Aécio – saiba ter humildade para não perder de novo em 2010. A proposta é extremamente interessante para Aécio. Por outro lado, a candidatura de Aécio seria derradeira para Serra. E deixemos a ingenuidade de lado: ainda que um declare apoio ao outro, será difícil ter entendimento e adesão verdadeiros fora deste projeto, cumprindo o perdedor e principalmente seus militantes apenas a tarefa de não atrapalhar a candidatura do outro – o que já é grande coisa, diga-se, mas não o suficiente para dar calço à vitória em 2010.

Com esta convicção, o adesivo e a camiseta que ilustram este post estão sendo usados há mais de um ano por mim e alguns amigos. Somos aquele raro e estranho tipo de pessoas que veste a camisa daquilo que acredita.


17 comentários:

Fernando Sampaio disse...

Acho sinceramente que eles não deveriam deixar o DEM de lado. Eu não confio muito no Aécio não... Se bobear ele chama o PT para ser parte do governo...

Daniela • Brasileira Insone disse...

O DEM não será deixado de lado, Fernando. Provavelmente ficará, em troca do vice, com o governo do estado de São Paulo.

E é por isso que o ideal é ser Serra presidente e Aécio vice, e não Aécio presidente e Serra vice.

Airton disse...

Eu tenho um link a muito tempo do seu blog, as vezes venho ler o que escreve, hoje lembrei de pedir-te, pode colocar um link na sua pagina do meu blog?

www.eujavidetudo.blogspot.com

Dick disse...

A camiseta ficou legal. Eu só não a uso porque sou muito feio! :)

Anônimo disse...

Estamos juntos nessa empreitada para 2010!! Tudo para tirar os petralhas do Planalto e do Brasil! Se conseguires dê uma olhada no www.poroutrolado.com.br é bastante interessante já que no RS somos governo e sofremos com o PT seus filhotes!! Rafael

Anônimo disse...

Se tiver que ser assim, que seja...
Eu também prefiro o DEM na vice, mas, pra tirar a petralhada do poder, pode ser um bom caminho.

Correa sjcampos sp

Tibiriçá Ramaglio disse...

Brasileira Insone,

Achei o seu comentário no blog do Reinaldo Azevedo e vim te fazer uma visitinha. Também estou com Serra (aliás, literalmente, pois presto serviços para o governo de SP) e acho que você talvez gostasse de ver meu blog. Apareça. Até virtualmente a visita de uma morena deslumbrante como você é uma honra.
Abraço,

Tibiriçá

tunico disse...

Posso divulgar a camiseta e o banner?

Aproveitando, quero lhe informar que temos um movimento entre militantes e simpatizantes do PSDB denominado MTBR (Movimento dos Tucanos de Bico Roxo) que há 3 anos vem lutando para que o PSDB aprenda a ser oposição de verdade mas principalmente para que volte a ser situação. No grupo estão figuras tucanas eminentes como Eduardo Jorge, a Senadora Marisa Serrano, Cyro Laurenza, o ex-ministro Ailton Barcellos entre outros.Se você tem interesse a juntar-se a nós, me responda que enviaremos um convite.

Abraços,

Anônimo disse...

pra vc ser uma perfeita idiota só falta o rabo. E ainda por cima mistura seus desejos com uma tentativa fajuta de análise. Pelo jeito suas muitas leituras não estão lhe servindo de nada.

Fred Martins disse...

Sabe o que o Serra e o Aécio me lembram? John Adams e Thomas Jefferson. Quando o primeiro foi presidente o segundo foi o vice,e ficava no pé de John para não deixar a peteca cair. Depois Jefferson se tornou presidente depois de Adams, fazendo um excelente governo também. Eram de partidos distintos no caso, mas as ideologias de Serra e Aécio me parecem ser tão distintas que a comparação é válida.

Anônimo disse...

Não perca a oportunidade de acessar esses sites do Professor Luiz Gonzaga de Carvalho:
CURSO DE RELIGIÕES DO MUNDO
www.luizgonzagadecarvalho.com
Copiei abaixo um comentário que bem o classifica.
"Caro Professor Luiz Gonzaga de Carvalho Neto:
Classificar as suas aulas como maravilhosas, dado ao seu encantamento ou magníficas, dado ao seu brilhantismo; é muito pouco para o que resultam de aprendizado para os seus alunos. Suas aulas são verdadeiras bênçãos, professor.
Obrigada. Obrigada. Obrigada. Obrigada.Sempre vou lhe agradecer por elas.
http://www.luizgonzaga.k6.com.br é um outro caminho que se deve seguir."
Conhecemo-nos do blog do tio rei.
FELIZ ANO NOVO!

Aluizio Amorim disse...

Olá,Daniela!
Acho meio difícil isto - Serra + Aécio. É que o playboy mineiro, que não sai da praia aqui em Florianópolis, faz o jogo dos petralhas e poderá melar o jogo em favor de Lula e seus sequazes.
Mas ainda acho que vai o Serra com uma mulher do DEM como candidata a vice-Presidente.
Que você acha?

Abração do
Aluízio Amorim

P.S.: linkei seu blog.

Tibiriçá Ramaglio disse...

Mais uma vez topo com este deslumbrante sorriso moreno ao ler o debate (chato mesmo) entre o Reinaldo e o Demétrio e não resisto a, reverentemente, dirigir-lhe estes versos:

Hino à Beleza

Charles Baudelaire

Vens tu do céu profundo ou sais do precipício,
Beleza? Teu olhar, divino mas daninho,
Confusamente verte o bem e o malefício,
E pode-se por isso comparar-te ao vinho.

[...]

De Satã ou de Deus, que importa? Anjo ou Sereia,
Que importa, se és quem fazes - fada de olhos suaves,
Ó rainha de luz, perfume e ritmo cheia! -
Mais humano o universo e as horas menos graves?

Tucano disse...

QUe corpinho gostoso hein essa tucanihas che!

Anônimo disse...

Gata demais! Beijo, Dani!

Milher disse...

Como Mineiro, e como desalinhado do jogo político atual, sei bem o porque de Aécio não aceitar ser vice. Nem todo político está lá pelo partido. E nem todo eleitor está nas urnas pelo 45. Seria simplesmente ideal duas personalidades fortes na presidência? Um não aceitará governar o outro. Aécio é tão autoritário quanto Lula e Serra juntos. As prévias são a melhor forma de sair desse drama...

AntonioFrancisco disse...

Olá Amigo, isso seria uma escolha ideal para o Brasil. Você teria como me vender uma camisa e uns adesivos?
Se Sim mande os preços para meu email, para que eu possa divulgar aqui no Nordeste!!!
afsstidinha2@gmail.com