quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

Para os senadores tucanos

alvarodias@senador.gov.br; arthur.virgilio@senador.gov.br; cicero.lucena@senador.gov.br; eduardo.azeredo@senador.gov.br; flexaribeiro@senador.gov.br; jtenorio@senador.gov.br; lucia.vania@senadora.gov.br; marconi.perillo@senador.gov.br; mario.couto@senador.gov.br; marisa.serrano@senadora.gov.br; papaleo@senador.gov.br; sergio.guerra@senador.gov.br; tasso.jereissati@senador.gov.br

Caros Senhores Senadores


Sou mais uma eleitora que vos escreve - e o faz mais uma vez.

Nós, seus eleitores de sempre (mas não necessariamente "para" sempre) e recém-chegados militantes, estaremos acompanhando atentamente a votação da recriação da CPMF.
Temos, como já afirmei em outro e-mail, abundantes argumentos para demonstrar que este governo não é confiável (é bom de prometer e ruim de cumprir, como disse noutro dia a Lucia Hippolito), além de gastar muito e gastar mal. Estamos prontos a defendê-los da artilharia rancorosa e politiqueira do governo que tem a pretensão de vos impingir a pecha de "sonegadores, irresponsáveis com as contas públicas, elitistas, inimigos do povo" e todas essas sandices que só enganam os alienados. Alienados, aliás, que tomamos como ofício "desalienar".

Os eleitores tucanos, em sua maioria, não são como os eleitores petistas (felizmente!). Nós somos mais intolerantes, sim, somos menos complacentes, somos mais atentos, mais cuidadosos com nosso voto e nossos representantes.
Se eles aceitam que seus partidários carreguem dinheiro em malas e cuecas, que dêem discursos inflamados e imediatamente virem as costas fazendo exatamente o contrário do que disseram, nós não fazemos isso.
Portanto, não nos tratem como eleitores do PT, que tudo relevam em seu partido.

Por favor, atendam as demandas de quem vocês representam, de quem os colocou aí para defender, não nossos interesses, mas os interesses do país. E, no momento, ao contrário do que choraminga o governo, o interesse do país é DIZER NÃO À CPMF.

Estamos atentos!

Daniela

Um comentário:

Paulo/CWB disse...

Faço minhas as suas palavras, cara Daniela...